• Por Hellen e Monique

Fortalecimento de Glúteos e Musculatura Posterior da Coxa em Pé no Reformer


O vídeo mostra um exercício em que menos é mais, literalmente: quanto menos molas forem usadas, mais difícil fica. Ele trabalha os glúteos e musculatura posterior da coxa, desafia o alinhamento da pélvis e o equilíbrio.

A posição inicial é com um pé na plataforma e o outro apoiado com a ponta dos pés no carrinho e os calcanhares na caixa do Wall que estará devidamente posicionada contra as ombreiras do aparelho. A perna da frente fica esticada e o apoio do pé inteiro pressiona o aparelho para baixo tanto na ida quanto na volta do movimento. O membro inferior que está atrás permanecerá sempre estendido e com toda a sua musculatura ativada. É importante manter tanto essa pressão do pé quanto a perna de trás trabalhando para ajudar a estabilizar o corpo e a manter o alinhamento correto. O praticante leva o carrinho o máximo possível sem que ocorra uma rotação da bacia. Uma reta desde o calcanhar de trás até a cabeça deve ser formada, evitando que ocorra uma hiperlordose, portanto quanto mais o carrinho abre mais o tronco deve se inclinar para frente. Então o joelho da frente dobra o máximo possível sem que ocorra uma anteversão pélvica e o carrinho é puxado de volta até o seu fechamento completo.

É possível executar o sentido oposto, iniciando pela flexão do joelho da frente até o ponto em que a bacia não compense em anteversão. O carrinho é levado para trás através da extensão a perna da frente sem que haja uma rotação da pélvis e o retorno é feito com os dois joelhos esticados.

Lembrando que, independente do movimento, o joelho não deve ir além do pé do mesmo lado, ou seja, ficará acima do mesmo.

Algumas medidas de segurança são importantes sempre que o aluno faz exercícios de equilíbrio e em pé no Reformer: é recomendável que o praticante tenha um local para apoiar a mão durante a execução e que ele suba e desça pela plataforma, nunca pelo carrinho, pois este é móvel e pode provocar um acidente.

Movimentos aparentemente simples transformam-se em verdadeiros desafios quando todas as regras do Pilates são colocadas em prática. Manter a postura e os alinhamentos representam uma guerra feroz travada com o nosso próprio corpo. Portanto, não perca a batalha para você mesmo, respeite os seus limites e evolua com responsabilidade.

Veja mais:

Estabilizar a Pélvis Durante os Agachamentos Faz Toda a Diferença

Workshops Espaço Fluir

Clique na imagem para saber mais

O que você procura?

DÚVIDAS E SUGESTÕES, AQUI É O LUGAR!

UM BLOG POR ESPAÇO FLUIR

© 2014 POR ESPAÇO FLUIR.