Cuidados com Gestantes

15.09.2014

A procura por atividades físicas pelas gestantes vem crescendo, mas será que todos estão aptos a trabalhar com mulheres nesta fase tão linda e especial da vida?

 

Pare para pensar se tem todas as informações necessárias para atender bem a sua cliente. Aqui vão algumas orientações sobre cuidados ao se trabalhar com esse público:

 

- Não colocar a grávida sob o risco de quedas: evite bases instáveis, exercícios em pé no Reformer e exercícios de equilíbrio. Se certifique que a cliente esteja segura nos aparelhos. Lembre-se que ela está passando por várias mudanças em seu corpo e seu centro de gravidade está alterado.

 

- Fique longe de exercícios em que haja elevação do quadril, como por exemplo: pontes e variações, velas, Dolphin, exercícios aéreos tanto no Cadillac como no Columpio. Eles representam riscos, podem provocar problemas como o descolamento da placenta e ainda podem gerar quedas mesmo que a gestante esteja acostumada com eles.

 

- A partir do quarto mês de gestação, mas mais frequentemente no último trimestre, é importante que a cliente não permaneça muito tempo na mesma posição. Algumas gestantes podem desenvolver a Síndrome de Hipotensão Supina, que consiste em uma queda progressiva da pressão arterial e taquicardia, algumas vezes seguida por bradicardia e sintomas como dispnéia, palidez, sudorese, desconforto e náuseas ao permanecerem em supino por alguns minutos. A pressão arterial, o pulso e os outros sintomas se normalizam com a mudança do decúbito dorsal para o decúbito lateral, de preferência esquerdo. Como, na maioria dos casos, não sabemos se a gestante tem ou não a síndrome, o ideal é evitar o aparecimento desses sintomas variando com freqüência o decúbito durante a aula. Fique sempre atento às queixas de sua cliente.

 

- Com o aumento da barriga, os músculos abdominais ficam estirados, às vezes tão intensamente que a grávida fica com a região adormecida. Além disso, o peso da barriga aumenta a lordose lombar, portanto, não há necessidade de exercícios de extensão de tronco. Ao dobrar para trás estiramos ainda mais os músculos e forçamos a curvatura lombar não tendo benefício que justifique a sobrecarga dessas estruturas.

 

- Mulheres sedentárias devem evitar exercícios nos três primeiros meses de gestação. Se houver a liberação e indicação médica, comece o treinamento bem devagar, com orientações sobre respiração, consciência corporal, contração do períneo e exercícios em ambiente bastante estável, além de suaves alongamentos.

 

Mais sobre atividade físicia na gestação aqui.

 

                                                            Hellen e Monique :)

Tags:

Please reload

Workshops Espaço Fluir

Clique na imagem para saber mais

O que você procura?

Please reload

DÚVIDAS E SUGESTÕES, AQUI É O LUGAR!

UM BLOG POR ESPAÇO FLUIR

© 2014 POR ESPAÇO FLUIR.